“Poder” – Por Joanna Macy

“Poder” – Por Joanna Macy O texto abaixo foi publicado em inglês na revista Sage Woman, em 1988, ele é a transcrição de uma fala de Joanna Macy no Acampamento do Solstício de Verão da Women’s Alliance, em 1987. A tradução para português foi feita por Ormando M.N. e a revisão por Polliana Zocche. Poder – … Ler mais

Entrando no Bardo

Neste editoral de opinião, a eco-filósofa e erudita budista Joanna Macy nos introduz ao ‘bardo’ — o conceito budista-tibetano de um vão entre mundos onde a transição é possível. Conforme a pandemia revela um colapso contínuo e segura um espelho em frente aos nossos males coletivos, ela escreve, temos a oportunidade de entrar em um espaço de reimaginar.

Espiritualidade na Era Planetária

De acordo com o professor budista Thich Nhat Hanh, o planeta é a mãe de todos os Budas. Para mim isso significa que o ar que respiramos, a água que bebemos, a terra em que andamos, e o fogo que nos aquece, são a origem da vida em si e também a expressão mais desperta e cristalina de ser. Todos os humanos e todas as criaturas encontram sua origem na Terra; o planeta é a dimensão que existe no coração de todos os seres.